Terremoto
5 Refúgio de emergência



 
 Neste quinto informativo, vamos falar sobre Refúgio de emergência. Refúgio é um local onde viveremos, temporiamente, o nosso dia-a-dia na impossibilidade de mantermos o nosso cotidiano, diante de uma calamidade com desabamento de casas, interrupção de luz, gás e água encanada.
  Os ginásios esportivos de escolas ou centros comunitários são locais abertos como refúgios. Normalmente em refúgios existe uma distribuição de alimentos, água e artigos de primeira necessidade. Nos terremotos de Tokai e Nankai, que são esperados num futuro próximo, estima-se que os danos terão uma grande abrangência, e com o desmoronamento de ruas e congestionamento de trânsito, a ajuda poderá demorar. Para não passarmos necessidade é preciso manter uma reserva individual de alimentos e água para no mínimo 3 dias.
  E ainda, no terremoto de Kobe, num determinado refúgio onde cerca de 2000 mil pessoas conviveram, japoneses e estrangeiros tiveram problemas devido à diferença de cultura e por não conseguirem manter uma comunicação. Para evitar esse tipo de problema, vamos procurar saber nos refúgios os horários para se recolher e também o modo de se utilizar a lavanderia e o banheiro, assim como o procedimento para jogar lixos, criando as regras do cotidiano, e o mais importante, seguindo-as.
  Em primeiro lugar, vamos estudar o básico do idioma japonês e aprender em japonês os hábitos da vida cotidiana,  pois nessas situações, acreditamos que será muito útil.